Estasa Blog

Morar na Cidade Maravilhosa

A decisão de se mudar para outra cidade é sempre complicada. Levar em consideração fatores como valores dos imóveis para aluguel, meios de transportes e serviços é essencial para se posicionar de forma confortável (e eficiente) na nova cidade. No caso do Rio de Janeiro, cidade bastante conhecida por turistas, alguns bairros acabam ganhando a preferência dos migrantes.

Segundo o presidente da Secovi Rio, Leonardo Schneider, quem vem de fora da cidade prefere a faixa que vai de Copacabana/Leme até a Lapa, enquanto os estrangeiros preferem a Zona Sul, além de Gávea, Urca e Santa Tereza.

Algumas dicas para quem quer vir morar na Cidade Maravilhosa se planejar melhor são:

- Avaliar com cuidado os valores de alugueis, fazendo cálculos e comparações se baseando sempre no valos do metro quadrado. Bairros mais badalados, como o Leblon, podem chegar à R$22.000 o metro quadrado – o mais caro do país, segundo o balanço mais recente do Índice FipeZap.

- Fazer uma visita prévia ao local fora de datas comemorativas e períodos de férias e muito movimento, como final de ano, é uma boa oportunidade de ver como a vida no bairro realmente funciona e como é a rotina do local.

- Verificar os principais serviços, como supermercados e centros de atendimento médico, suas disponibilidade e proximidade do local escolhido, para não ficar perdido na nova cidade. O transporte público e acessibilidade também são importantes.

Para todas as dicas vale uma boa conversa com os moradores do local ou com o porteiro, por exemplo. São eles que vivem o dia-a-dia que vocês quer viver, então podem dar todas as dicas que você vai precisar para entrar com o pé direito na nova vida.

Decoração feita pelos pequenos

No mês das crianças, trazemos uma ideia criativa para o quarto dos pequenos. São vidros que permitem que paredes e móveis sejam riscados com canetas e lápis de colorir, tornando a limpeza fácil e prática, além de ter sempre uma nova “tela” para as artes. As crianças vão poder pintar e desenhar nos vidros usados em portas de guarda-roupas e armários.

De forma prática e funcional, os desenhos poderão se limpos com facilidade a todo o instante em que os pequenos cansarem e quiserem começar uma nova pintura. Todo dia uma pintura nova, com novas cores e novas ideias. As texturas, criadas por uma equipe de designers, são inspiradas no mundo das histórias infantis. Por serem versáteis, os vidros podem ser usados em vários cômodos da casa.

O sistema é da Alumiglass, empresa de acessórios para móveis, com a linha Baby e Kids, da Coleção Design.

As vantagens de ser solteiro

 

Os brasileiros estão aceitando aos poucos uma nova realidade: estar solteiro não é estar infeliz. É apostando nisso que o mercado vem apostando cada vez mais nessa parcela da população, que já soma quase metade do total de brasileiros.

 

Os apartamentos estão menores e os condomínios começam a oferecer serviços que beneficiam os solteiros, como restaurante, pizzaria, mercadinho e área de lazer. A oferta de apartamentos e quitinetes para esse público também aumentou, com áreas entre 25 e 45 metros quadrados – ideal para morar sozinho.

 

O comércio também já percebeu isso e está se adaptando, oferecendo produtos e serviços mais rápidos e mais práticos, já prontos e em porções menores. Tudo já vem descascado, picado e pronto para o preparo ou consumo rápido. Alguns locais oferecem até pratos individuais já prontos para o consumo.

Uma bolha de paz!

Imagine aquele dia em que você chegou em casa do trabalho, completamente cansado e com vontade de se isolar do mundo, entrar em uma bolha e apenas relaxar. Foi pensando em situações desse tipo que a empresa suíça Micasa Lab criou um conceito de móvel diferente, em formato de bolha, que te isola do exterior sem que você precise sair do ambiente.

Com 1,80m de diâmetro, totalmente transparente e com várias possibilidades de adaptação, o Cocoon 1 pesar aproximadamente 135 quilos, quando montado, e pode ser colocado em ambientes internos, como a sala de estar, ou em jardins e áreas comuns do condomínio (olha a dica Super Síndico!), como a sala de leitura e estudos.

O espaço pode ser customizado se tornando confortável e aconchegante, com colchão e várias almofadas, ou funcional, com compartimentos e gavetas e, até mesmo, uma mini cozinha! Além disso tudo, há também entradas USB e rede Wi-fi. A peça estava prevista para entrar no mercado ano passado, mas ainda está em fase de testes e produção. O valor sugerido, à época, era de US$ 2.990 (aproximadamente R$7.000).

Super Síndico em: problemas com barulho

Conviver em sociedade nem sempre em fácil, principalmente nos condomínios. O barulho, por exemplo, é um dos problemas de convivência que mais gera reclamações nos condomínios.

Nesses casos a figura do síndico sempre é requisitada. Ele, no entanto, deve agir com cautela, avaliando se o caso realmente afeta o coletivo – quando cabe aplicas as regras do regimento interno do condomínio – ou se é apenas um problema isolado entre vizinhos.

Antes de tudo, o síndico deve agir como um mediador, promovendo uma boa conversa entre as partes para que o assunto possa ser resolvido da melhor forma possível. Barulhos como salto alto, móveis arrastando ou crianças brincando, por exemplo, são do tipo que afetam apenas um vizinho (no caso, o de baixo) e podem ser resolvidos facilmente através de conciliação entre as partes, como acordos quanto a horários ou mesmo colocar tapetes e carpetes, que abafam os ruídos. O mesmo se aplica a festas em áreas comuns ou nos apartamentos – tudo depende do horário e do volume do barulho.

São inúmeros os casos de barulhos que incomodam os vizinhos, como obras, latidos de cães, instrumentos musicais e brigas. Em todos os casos, o síndico deve avaliar a gravidade da situação e orientar o morador, sempre, a registrar sua reclamação por escrito no livro de ocorrências do condomínio. Assim, se houverem outras reclamações feitas da mesma forma, fica mais fácil para o síndico formular uma reclamação com o morador que é foco do barulho. Mas isso só deve acontecer quando há outros reclamando.

A moda é: sustentabilidade

Sustentabilidade é a palavra da moda nos dias atuais. Mas o que é ser sustentável?

 Em um mundo onde cada vez se pratica e prega o consumo é preciso pensar se tudo o que compramos ou usamos é realmente necessário. Por isso é importante pensar em como usar os diferentes materiais para tirar deles o maior proveito, evitando o desperdício e preservando o planeta em que vivemos.

São pequenas atitudes que, no dia-a-dia, fazem toda a diferença. Trazemos hoje para você 10 dicas pequenas de como tornar sua casa mais sustentável.

 

Aperte as torneiras!

Você sabia que uma torneira pingando pode desperdiçar até 46 litros de água em um único dia? Então verifique sempre se elas estão bem fechadas. Ah, e não custa lembrar: na hora de escovar os dentes sempre feche a torneira quando não estiver usando, ok?

 Passe a maior quantidade de roupas de cada vez

Assim você economia tempo de montagem e desmontagem da tábua e, se concentrando nessa tarefa, usa menos eletrodomésticos da casa ao mesmo tempo, economizando e evitando curto circuitos.

 Aproveite o dia

Use a abuse da iluminação natural. Nada de luzes acesas durante o dia e, se for mesmo necessário, dê prioridade às luzes brancas ou de LED, que gastam menos.

 Mangueira não é vassoura

Nada de varrer o quintal usando o jato da mangueira hein? Além de desperdiçar muita água torna todo o processo mais lento. Use a boa e velha vassoura e se o local precisar mesmo de um bom banho, use baldes e panos.

 Menino, sai desse banho!

Um banho demorado gasta até 180 litros de água! Cinco minutos é o tempo ideial.

 Lixo separado

Separe o lixo e facilite a coleta seletiva. Reserve vidro, plástico, papel e metal em locais separados e se possível envie para a reciclagem.

 De olho no óleo de cozinha

Ele JAMAIS deve ir direto pelo ralo. Reserve em uma garrafa pet e doe ou venda, pois ele pode ser usado para produção de sabão em pedra, detergente e biodiesel, sem poluir o meio ambiente.

Reutilize!

Aquela embalagem bonitinha e com tampinha que veio no produto que você comprou pode ser reutilizada para guardar a sobra daquele maravilhoso jantar.

 Geladeira

Abrir a geladeira para pensar não é uma opção.

 Ecobag

As sacolas retornáveis são muito úteis para substituir os sacos de plásticos dos supermercados e lojas, evitando a poluição do meio ambiente. Saia de casa sempre com a sua ecobag, hoje em dia existem muitas opções estilosas e bonitas.

Salas comerciais mais baratas no sudeste.

Se você estava esperando um momento mais propício para alugar ama sala comercial, nós temos uma boa notícia.

O valor do aluguel de pontos comerciais já começou a apresentar uma queda significativa em relação ao ano passado. Hoje, o metro quadrado dessas salas está em R$ 68/m², ao contrário dos R$ 72/m² computados no mês de agosto de 2013. Essa média representa uma queda de 5% no valor total.

As capitais da região sudeste foram as que mais apresentaram quedas mais bruscas, enquanto uma ligeira alta foi percebida em Porto Alegre e Salvador.

Esse é o momento esperado por muitas pessoas que desejam encontrar a sala comercial ideal para o seu negócio. Se você planeja iniciar o ano de 2015 com a sua empresa em um novo endereço, esse é o melhor cenário já apresentado no último ano. Aproveite esta oportunidade.

Peça ajuda antes de alugar ou comprar

Se você pretende comprar ou alugar um imóvel é importante estar atento às negociações para não perder tempo nem dinheiro. Como envolvem muito dinheiro, essas negociações precisam de maiores cuidados.

Para evitar imprevistos é importante estar atento e reunir o máximo de informação possível para realizar uma boa transação.

Hoje no mercado existem profissionais que merecem nossa atenção para que não sejamos enganados. Dessa forma, problemas como imóveis acima do preço ou em condições precárias podem ser evitados.

Veja alguns profissionais a quem você pode recorrer nessas horas.

Corretor
Esse é o profissional que vai lhe apresentar as características de conservação e jurídicas dos imóveis. Ele será um intermediário entre você e o proprietário. Exija que o corretor lhe apresente de forma clara as qualidades e defeitos do imóvel.

Arquiteto ou engenheiro
Esses profissionais têm a capacidade de avaliar as condições estruturais do imóvel. Através deles você poderá saber como estão as instalações elétricas, infiltrações e aspectos relacionados ao dia a dia do morador, como por exemplo os horários de incidência de sol no imóvel. Como esses profissionais não recebem comissão com a venda ou aluguel o imóvel, ele não terá motivos para esconder qualquer anomalia para você.

Síndico e zelador
É muito importante ouvir o síndico para antecipar como funciona a administração do condomínio. Essa atitude irá evitar surpresas desagradáveis caso a venda ou locação seja concretizada. É importante saber se há dívidas a serem pagas pelos condôminos antes de fechar o negócio.

Advogado
Deixe que um advogado de sua confiança análise os documentos da negociação. Ele irá auxiliar também na elaboração do contrato, para que o comprador ou locatário seja protegido em todos os aspectos. Nessa parte, o advogado irá saber se o comprador está herdando alguma dívida ao comprar o imóvel. No caso do locatário, questões como o índice de reajuste devem ser esclarecidos.

Tabelião

Caso a transação não seja um financiamento, vale a pena recorrer ao tabelião para que ele examine o documento que comprova a quem o imóvel pertence e se há dívidas relacionadas a ele. Vá até um cartório e tire suas dúvidas com esses profissionais.

Governo anuncia medidas para facilitar a compra de imóveis

O ministro da Fazenda Guido Mantega anunciou nesta quarta-feira, 20 de agosto, as novas medidas que irão facilitar a aquisição de imóveis. O objetivo dessas medidas é reduzir a burocracia e dar mais transparência e segurança nas transações imobiliárias.

Agora não será mais preciso ir a diversos cartórios solicitar as inúmeras certidões necessárias para fazer negócio. Uma das medidas é centralizar em um único cartório todas as informações referente ao imóvel, simplificando a vida do comprador.

“As medidas melhoram a regulação do crédito brasileiro. O que todo mundo quer no Brasil é aumentar a competitividade, reduzir custos e simplificar as transações”, afirma o ministro.

Outra medida irá beneficiar pessoas que possuem imóveis quitados, pois eles poderão ser dados como garantia na compra de imóveis novos, utilizando os recursos da caderneta de poupança. Segundo o ministro nesta modalidade o comprador ainda terá o benefício de contar com juros menores.

É importante ressaltar que nesta modalidade caso haja inadimplência do comprador, ele poderá perder o imóvel dado como garantia. Além disso, o comprador não poderá dar o mesmo imóvel como garantia para mais de uma operação de crédito.

Como faz: Dica para assembleias

Se você tem alguma assunto especifico ou geral para ser resolvido no condomínio, existem dois caminhos para seguir:

1- Conversar com seu síndico para que ele solicite a assembleia.

2- Reunir 1/4 dos moradores para pedirem a convocação. É importante notificar todos os condôminos e deixar claro o assunto a ser discutido na assembleia.